Menu

The Reiki Alliance

The Reiki Alliance

A Reiki Alliance é uma comunidade internacional de Mestres Reiki, que pratica e ensina o Usui Shiki Ryoho (tradução do japonês de O Sistema Usui de Cura Natural). Consideram-se como seguidores do Usui Shiki Ryoho, mantendo a forma consagrada no passado, através da linhagem espiritual direta de Mikao Usui, Chujiro Hayashi, Hawayo Takata e Phyllis Lei Furumoto.
Em 1982, mestres iniciados por Hawayo Takata e Phyllis Furumoto, foram convidados a ir ao Hawai para uma reunião. Nesta reunião, Phyllis Lei Furumoto foi reconhecida como a sucessora de Hawayo Takata. Eles decidiram reunir-se novamente em 1983, em British Columbia. Durante esta reunião, a The Reiki Alliance foi fundada para homenagear o sistema ensinado por Hawayo Takata com a administração contínua dessa prática.

Missão e compromissos

A missão da The Reiki Alliance é honrar e praticar o Usui Shiki Ryoho, reconhecer a linhagem espiritual, apoiar um ao outro e aprofundar a experiência como mestre.
Aspiram viver a sua maestria:
  • realizando os preceitos espirituais do Usui Shiki Ryoho diariamente
  • praticando Reiki, dando e recebendo tratamentos
  • continuando a formação profissional
  • perseguindo o contínuo crescimento pessoal e espiritual
  • reconhecendo como parte do domínio: ser um estudante, um professor, um mentor, um iniciador

Os Quatro Aspectos


Prática de cura, Desenvolvimento Pessoal, Disciplina Espiritual e Ordem Mística são os quatro aspectos do Usui Shiki Ryoho.
Estes aspectos descrevem o caminho de um aluno e o desenvolvimento do próprio sistema. Este caminho e este desenvolvimento não são feitas por decisão humana, mas pelo processo natural de maturação. A decisão humana é de se comprometer com esta prática e de seguir seu próprio caminho.

Os Nove Elementos

Cada um dos nove elementos contêm informações, a maneira de segurar essa informação, e o uso da informação que transforma a informação em ferramentas sagradas.
Os Elementos são iguais em importância e tem um relacionamento uns com os outros. Esta relação dinâmica impulsiona o estudante em experiências de aprendizagem, orienta o aluno em seu próximo passo de desenvolvimento, e mantém o estudante livre para experimentar Reiki em todos os níveis de consciência.

Iniciação: Não é possível descrever uma iniciação, pois o ritual é apenas para mestres iniciarem seus estudantes, em cada etapa do sistema. A iniciação pode ser descrita como algo sagrado, quando o aluno e mestre passam a ter a experiência de comunhão com a energia do Reiki. Os outros oito elementos do sistema, permitem que a experiência da iniciação passe a ser usada na vida cotidiana, ampliando a consciência do aluno.

Símbolos: São três símbolos sagrados e são as ferramentas para o estudante de Segundo Grau. Eles são mantidos como segredo a fim de preservar sua integridade dentro desta prática. Este passo é para familiarizar o aluno com experiência direta das dimensões invisíveis ao ser humano.

Tratamento: As mãos, no tratamento de Primeiro Grau é a prática base do sistema. Isto inclui o auto-tratamento e o tratamento de outras pessoas, bem como animais, plantas e nosso meio ambiente. O dom deste tratamento, bem como a prática de Segundo Grau é através da prática, somos capazes de recriar o sentido da iniciação, a comunhão com Reiki e a vida ao nosso redor.

Tradição Oral: A qualidade da tradição oral contém a premissa de que a forma como o sistema é dado a um aluno é pela presença pessoal de um mestre com o aluno. Isso acontece nos cursos de primeiro e segundo grau, bem como outros encontros ou reuniões para os alunos que o mestre oferecer. Este elemento também contém o entendimento de que livros contendo as informações da prática real, não beneficiam o aluno nem o sistema.
Manuais de ensino não são usados e os estudantes geralmente não são autorizados a tomar nota nas aulas. Quando necessitam de assistência, o estudante pergunta diretamente ao seu mestre.

Linhagem espiritual: A prática como a conhecemos hoje foi realizada através de quatro portadores de linhagem e seu tempo / espaço no mundo como nós o conhecemos. Eventos históricos, mudanças na comunicação e métodos de viagens, a investigação sobre as condições humanas, e muitos outros fatores tiveram influência na prática através dos portadores desta linhagem. Este é um sistema em desenvolvimento que tem em sua raiz, a inspiração e os ensinamentos de Mikao Usui e os seus valores culturais.

História: A história do sistema Usui Shiki Ryoho, descreve o caminho da prática. A parte da vida de cada portador da linhagem na história, diz respeito diretamente a este caminho. Quando o mestre conta a história do Reiki, há uma notável transmissão de energia para o aluno.

Dinheiro: A preparação é medida com o tempo e o dinheiro. O dinheiro é uma porta de entrada para muitos outros ensinamentos, mas também porque na nossa sociedade, dinheiro tornou-se um representante para muitas coisas. Uso sagrado do dinheiro em nossas vidas diárias é uma parte da prática.

Preceitos: Os cinco preceitos foram traduzidos e nos foi ensinado em Inglês por Hawayo Takata. Os preceitos passam a ser as regras de vida, tornando-se gradualmente uma orientação ética para a vida com o Reiki.

Forma de Ensino: Os oito elementos são apresentados nas aulas que os mestres dão aos estudantes iniciantes. Nestas aulas permite-se ao aluno o dom da descoberta, a permissão para construir a sua própria relação com a energia do Reiki, e assegura que todos os alunos de cada mestre, tenham o compromisso de praticar este sistema, recebendo a prática dentro de parâmetros criados por valores e integridade.


Mais informações: http://www.reikialliance.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário